Jack Sparrow’s: bar e restaurante à beira mar em São Miguel do Gostoso

São Miguel do Gostoso, a 101 km de Natal, é conhecido por ser um destino tranquilo, sem muita movimentação e estabelecimentos nas praias, além das pousadas. Um dos poucos restaurantes à beira-mar é Jack Sparrow’s, que fica na praia da Ponta do Santo Cristo. Com um estilo rústico é bastante frequentado no fim de tarde para quem pretende assistir ao pôr do sol.

O bar tem estilo rústico
O bar tem estilo rústico

O Jack Sparrow’s funciona como bar e restaurante e tem uma estrutura quase em madeira e palhoça de coqueiros, mas é bem charmoso, com mesas, cadeiras, espreguiçadeiras, redário, banheiros, chuveiro e redes de vôlei de praia.

Redes de vôlei em frente ao Jack Sparrow´s
Redes de vôlei em frente ao Jack Sparrow´’s

O cardápio tem uma grande variedade de bebidas, com cervejas a partir de R$ 8 (long neck) e drinks a partir de R$ 12. A água de coco sai e o refrigerante saem por R$ 5 cada.

Hambúrguer vegetariano, meu pedido
Hambúrguer vegetariano, meu pedido

Entre as opções para as entradas, que variam entre R$ 15 e R$ 35, têm caldos, batatas fritas, pratos com peixes e frutos do mar e até hambúrguer vegetariano, que foi a minha escolha. Para os pratos principais, que são individuais, o menu oferece opções de peixes (a partir de R$ 35), carnes (a partir de R$ 40), massas (a partir de R$ 36), risotos e arroz (a partir de R$ 36). Para finalizar tem sobremesas a partir de R$ 13.  

Mas, para falar a verdade, a comida não é o ponto alto do lugar. Os pratos têm uma proposta “gourmet”, mas o sabor não é pra tanto. Gostei mais da atmosfera do ambiente. O atendimento é bem gentil, mas foi um pouco demorado. Ah! Mas as bebidas (cervejas para Fred e outras pessoas que estavam com a gente) foram servidas bem geladas e estava com um preço mais acessível do que das barracas da Praia de Tourinhos, que têm estrutura mais simples.

Escalopes de mignon, pedido de Fred
Escalopes de mignon, pedido de Fred

A praia em frente ao Jack Sparrow’s, marcada por uma bandeira de pirata, é bastante frequentada por praticantes de kite e windsurf. Mas apesar das ondas medianas é possível nadar também. Apesar do restaurante ser à beira-mar é preciso caminhar um pouquinho para chegar até o mar, pois todos os estabelecimentos de Gostoso são um pouco recuados.

Outro ponto favorável do Jack Sparrow´s é a trilha sonora, mesmo com música ambiente, tem uma seleção musical bem bacana e tranquila. E, como falei, o restaurante é bem frequentado no fim de tarde para quem pretende ver o pôr do sol. Eles aproveitam o momento para acender fogueira e, algumas vezes, convidam bandas, DJs e fazem promoções de drinks.

Bandeira do pirata marca a frente do Jack Sparrow´s na Ponta do Santo Cristo
Bandeira do pirata marca a frente do Jack Sparrow´s na Ponta do Santo Cristo

Assista ao vídeo na praia da Ponta do Santo Cristo em frente ao Jack Sparrow’s:

Endereço: Av. Enseada das Baleias, 440 Ponta do Santo Cristo, São Miguel do Gostoso

Reserve sua hospedagem em São Miguel do Gostoso

Leia também:

Conheça São Miguel do Gostoso, destino do Rio Grande do Norte que tem se destacado e recebido famosos

Praia de Tourinhos, a mais bonita de São Miguel do Gostoso

Tao Paradise – Day Use no paraíso de águas cristalinas, a 90km de Natal-RN

https://compartilheviagens.com.br/marco-zero-da-br-101-fica-no-rn-e-tem-monumento-de-oscar-niemeyer/


Praia de Tourinhos, a mais bonita de São Miguel do Gostoso

São Miguel do Gostoso, a 101 km de Natal, é famoso por ser um dos melhores destinos brasileiros para praticantes de kite e windsurf, devido aos fortes ventos. A maioria das praias de São Miguel tem uma larga faixa de areia, longos trechos desertos sem restaurantes ou barracas e ondas medianas. Mass, para quem quer procura uma boa praia para banho e com uma bela paisagem recomendo a Praia de Tourinhos, que para mim é a mais bonita de Gostoso. E para completar, nela, é possível ver o pôr do sol.

Praia de Tourinhos nos fins de semana
Praia de Tourinhos nos fins de semana

No post “Conheça São Miguel do Gostoso, destino do Rio Grande do Norte que tem se destacado e recebido famosos” fiz um resumo de o que fazer em São Miguel e já adiantei que Tourinhos era uma das melhores praias para banho. Mas, apesar de frequentar Gostoso, desde quando tudo ali “era mato” (hehe!), nunca tinha tido a oportunidade ir a Tourinhos no entardecer. Consegui ir na nossa última estadia lá, em janeiro (2019) e só confirmei que esta é mesmo a mais bela praia do destino.

Reserve sua hospedagem em São Miguel do Gostoso

Como a maioria dos lugares bonitos, chegar em Tourinhos não é tão fácil. O acesso é por uma estrada de barro bem maltratada, mas acessível com carro de passeio. A praia fica a uns 15 km do centro de São Miguel e leva uns 20 minutos de carro, ou um pouco mais se você for com cuidado.

Alugue um carro para ir até São Miguel do Gostoso

No outro post também expliquei que o nome da praia se deve às formações de dunas petrificadas que seriam parecidas com um rebanho de touros. Uma dessas formações,na maré alta, faz subir um forte jato d´água, conhecido como o “suspiro da baleia”. Já na maré baixa, formam-se piscininhas naturais que garantem um banho delicioso.

Tourinhos é uma das poucas praias de SMG que tem barracas com mesas e cadeiras. As estruturas são bem simples e os preços são em conta. Nos fins de semana, a praia lota. Mas em dias de semana, mesmo na alta estação, Tourinhos fica quase deserta.

Parque eólico visto a partir da praia de Tourinhos
Parque eólico visto a partir da praia de Tourinhos

Se possível, aproveite para ficar na praia até o entardecer. O sol se põe ao lado de um dos vários parques eólicos da região e faz um belo reflexo no mar. Vale a pena!

Pôr do sol em Tourinhos
Pôr do sol em Tourinhos

Se você ainda não está convencido de que Tourinhos é um paraíso, assista ao vídeo que fizemos na praia:


Carnaval em Natal-RN: confira a programação

Já faz alguns anos que Natal deixou de ser um destino de apenas descanso durante o Carnaval para ser também de folia. Quem estiver na cidade durante o feriadão pode aproveitar além das praias, os bloquinhos de rua e os shows gratuitos de artistas  locais e nacionais, que acontecerão em vários pólos da cidade. A festa será aberta oficialmente, na quinta-feira (8), com o Baile de Máscaras, no Largo do Atheneu, no bairro de Petrópolis. Mas as prévias já começaram.

Entre os artistas e bandas que estão na programação do Carnaval Multicultural de Natal estão  Paralamas do Sucesso, Carlinhos Brown, Sandra de Sá,  Monobloco, Margareth Menezes, Roberta Sá, Ricardo Chaves, Spok Frevo entre outros.

Confira a programação completa:

PROGRAMAÇÃO CARNAVAL MULTICULTURAL 2018
POLO PETRÓPOLIS

PRÉVIAS

02/02

Bloco do Magão

17h – Saída av. Deodoro da Fonseca (em frente a 96 FM). Destino: Largo do Atheneu.

Dia 02/02

Kd Xoxó

19h – Saída: Gourmeria (av. Afonso Pena, Tirol).

Destino: Restaurante 294 (av. Deodoro).

Atrações: Rildo Lima, Orquestra Aculpe e banda Maria Fumaça (RN)

04/02

Bloco Segura Que Deu Onda

15h – Concentração: Praça Aristófanes Fernandes (Praça das Flores). Destino: Largo do Atheneu.

Shows com Patusco (PE), Sambô (SP) e Fobica de Jubila (RN)

06/02

Bloco Se Parar Eu Caio

18h – Concentração no Largo do Atheneu. Destino: Clube dos Radioamadores, com show da Banda Pura Tentação. Durante o percurso: Frevo do Xico.

QUINTA-FEIRA (08/02) – BAILE DE MÁSCARAS – ABERTURA OFICIAL

LOCAL: Largo do Atheneu

18h – Grupos Folclóricos

19h – Banda Independente da Ribeira

20h – Grupo Leão de Judá

21h – Sueldo Soaress e Banda

22h – CARLINHOS BROWN

SEXTA-FEIRA (09/02)

Palco das Marchinhas

Local: Largo do Atheneu

17h30 – Baile da Marcinha – Show infantil

19h – 2º Concurso Dosinho de Marchinhas Carnavalescas

20h30 – Isaque Galvão – Homenagem a mestre Dosinho

21h – Jaina Elne – Folia das Marchinhas

21h40 – Orquestra das Marchinhas – Maestro Papão

23h – Show “Dussek na Folia’’ com Eduardo Dussek e sua CopacaBanda

Movimento Grandes Carnavais

16h – CONCENTRAÇÃO, no Largo do Atheneu: Jolian e Orquestra Maria Fumaça

17h30 – Jaina Elne e Orquestras Frevo do Xico Puxando os blocos: Ressaka, Kuxixo, Puxa Saco, Saca Rolha, Bakulejo, Jardim, Psyu e Jardineiros

19h – Baile no Aeroclube (av. Hermes da Fonseca, Tirol)

19h30 – Show: Banda Detroit

21h – Sargento Pimenta RJ (Beatles no carnaval)

23h – DJ Luís Couto e Bethoven no Sax

SÁBADO (10/02)

Largo do Atheneu

18h – Bloco do Submarino Amarelo

Com Banda do Submarino Amarelo

19h – Bloco Ribeira Boêmia Com Roda de Samba e participação dos artistas Dodora Cardoso, Josy Ribeiro, Luciano Queiroz, Nara Costa, Sueldo Soares e Valéria Oliveira.

22h – Banda Boca de Sino

Movimento Grandes Carnavais

CONCENTRAÇÃO, Largo do Atheneu:

16h – Rildo Lima e Carlos Zens

17h30 – Orquestras Frevo do Xico, puxando os blocos: Ressaka, Kuxixo, Puxa Saco, Saca Rolha, Bakulejo, Jardim, Psyu e Jardineiros

19h – Aeroclube: Pedrinho Mendes, Sueldo Soaress e BatuGroove.

21h – Bangalafumenga RJ (show)

23h – DJ Mandaka e Bethoven no Sax

DOMINGO (11/02)

Bloco da Greiosa (Largo do Atheneu)

14h – Charanga da Greiosa

16h – Nação Zamberacatu

17h – Skarimbó

19h – Orquestra Greiosa

21h – Orquestra Contemporânea de Olinda (PE)

23h – Academia de Berlinda (PE)

SEGUNDA-FEIRA (12/02)

Petrópolis Folia

16h – Baile infantil- Bloco PETIPÁ – Fobica Kids com Vyda e Lara. Aristófanes Fernandes (Praça das Flores).)

17h30 – Vão Me Levando – encontro de blocos. Concentração e desfile com Frevo do Xico

Largo do Atheneu

20h – Fobica do Jubila

21h30 – Banda DuSouto

23h Maestro Forró e Orquestra popular da Bomba do Hemetério (PE)

TERÇA-FEIRA (13/02)

Muitos Carnavais

16h – Concentração: Praça Aristófanes Fernandes (Praça das Flores). Orquestra de Frevo, Dodora Cardoso e Rodolfo Amaral.

18h30 -Saída. Destino: Largo do Atheneu (19h30)

18h – Largo do Atheneu:

19h – Rildo Lima

21h – Isaque Galvão

23h – Show de Roberta Sá

POLO PONTA NEGRA

PRÉVIAS

25/01

20h – Prévia do bloco Se Brincar eu Pego. No Balada Bar. Atração: Debinha Ramos e banda

28/01

2º Ensaio do bloco carnavalesco Suvaco do Careca

15h – Praça de eventos do Praia Shopping

03/02

Bloco Aponta

13h – Concentração. Saída: Old Five com destino ao Espaço Hawaii (av. Erivan França).

16h30 – Shows: Espaço Hawaii. Com Khrystal, Sueldo Soaress, Jolian Azevedo,

Banda Dugiba e Orquestra Greiosa

03/02

Bloco Escola de Heróis

Associação dos Moradores de Ponta Negra e Alagamar

12h30 – Concentração. Saída da AMPA. Itinerário pelas ruas do conjunto. Destino: Praia Shopping

03/02

Prévia do Bode Expiatório

Bloco Bode Expiatório

18 hs – Styllo Sampa. Show de Laryssa Costa e Banda.

04/02

Prévia do Suvaco do Careca

15h – Concentração. Av. praia de Genipabu

QUINTA-FEIRA – 08/02

Bloco “A Banda” – Banda Detroit em Pranchão

19h – Saída: Praia Shopping. Destino: Praça Ecológica (av. Praia de Ponta Negra).

Show: Banda Detroit

SEXTA-FEIRA (09/02)

18h – Bloco Bode Expiatório. Concentração Av. Praia de Genipabu (ao lado do Praia Shopping). 20h saída com destino: Palco Principal, pela Av. Praia de Ponta Negra

Bloco Jegue Empacado

20h – Paralamas do Sucesso -Palco Principal

SÁBADO (10/02)

10h – Bloco Banda da Praia. Beira mar de Ponta Negra. Saída: em frente ao Manary. Destino: Deck do Astral.

16h30 – Bloco Cores de Krishna – Destino: Praça Ecológica (Palco Principal)

19h -Bloco Ia+Fiquei – Concentração praça Varela Barca, com orquestra de frevo. Destino: Praça Ecológica (Palco Principal)

16h – Suvaco do Careca – Palco alternativo. Av. praia de Genipabu ao lado do Praia Shopping. 18h – Destino: Praça Ecológica (Palco Principal)

16h – Bloco Aquinos nos Bebe. Av. Praia de Pirangi, 2218.

17h – Bloco Poetas, Carecas, Bruxas e Lobisomens. Concentração: Praça Ecológica (Palco Principal). Destino final: lateral do Praia Shopping

20h – Atrações selecionadas pela Convocação Pública

22h – Spok Frevo Orquestra (PE) – Palco Principal

DOMINGO (11/02)

15h – Bloco Suvaco do Careca – Palco alternativo. Av. praia de Genipabu ao lado do Praia Shopping. 18h – Destino: Praça Ecológica (Palco Principal)

18h – Bloco Se Brincar eu Pego. Concentração Balada Bar, Ponta Negra. Destino: Av Praia de Ponta Negra, Praça Ecológica (Palco Principal)

20h – Atração selecionada na Convocação pública

23h – Margareth Menezes (Palco Principal)

SEGUNDA-FEIRA (12/02)

16h – Bloco Aquinos nos Bebe

16h – Concentração na Av. Praia de Pirangi, 2218

18h – Desfile das Tribos de Índios

19h – Desfile do Bloco Aponta.

20h – Atrações escolhidas na Seleção Pública (Palco Principal)

22h – Monobloco (RJ) (Palco Principal)

TERÇA-FEIRA (13/02)

Encontro dos Estandartes

19h – Atrações escolhidas na Seleção Pública (Palco Principal)

21h – Show de Antônio Nóbrega (PE)

23h – Ricardo Chaves (BA)

QUARTA-FEIRA (14/02)

18h – Bloco da Ressaca. Saída: Rua da Floresta

POLO CENTRO HISTÓRICO

DOMINGO (11/02)

16h – “Desfile das Kengas”

21h – Shows de Sandra de Sá e Renata Arruda (Palco av Câmara Cascudo, Centro)

POLO RIBEIRA

DESFILE DAS ESCOLAS DE SAMBA

SÁBADO (10/02) E DOMINGO (11/02) – às 19h

POLO ROCAS

SEXTA (09.02)

19h – Bloco As Guerreiras – Desfile com orquestra de frevo e atrações musicais

23h – Show de Toninho Gerais e banda

POLO REDINHA

No Carnaval da Redinha a folia começa na sexta-feira com shows de artistas potiguares, além de atrações selecionadas por edital.

SÁBADO (10.02)

23h – Show da Banda Grafith – Largo do Buiú

DOMINGO (11.02):

12h – Bloco As Raparigas

16h – Bloco Sem Preconceito Eu Vou

16h – Seu Boga

17h – Banda do Siri

23h – Cavaleiros do Forró – Largo do Buiú

SEGUNDA-FEIRA (12.02)

12h – As Raparigas

16h – Pimenta Nelas

16h – Redinha dos Meus Amores

16h – Troça do Ze Prikito

17h – Galo da Praia

TERÇA-FEIRA (13.02)

09h – Os Cäo

16h – Os Bem Amados

17h – Banda do Siri

QUARTA-FEIRA (14.02)

08h – Blocos dos Garis

10h – Baiacu na Vara

NAZARÉ FOLIA – ZONA OESTE

DOMINGO (11.02)

Atrações regionais e blocos de rua.

POLO PRAIA DOS ARTISTAS

Circuito de trios elétricos

DOMINGO (11.02)

CAVALEIROS DO FORRÓ

11h – Saída da Praia do Forte

15h – Destino: Em frente ao Chaplin, na praia dos Artistas

SEGUNDA (12.02)

Banda DuBê

11h – Saída da Praia do Forte

15h – Destino: Em frente ao Chaplin, na praia dos Artistas

*Observação: Programação sujeita a alterações


Rio Grande do Norte: conheça o misterioso Castelo Zé dos Montes, a 120 km de Natal

Quando vocês pensam nas atrações turísticas do Rio Grande do Norte, o que vem a cabeça? Aposto que praia, dunas, lagoas… mas provavelmente nunca imaginaram que poderiam visitar castelos também, né? No post sobre o município de Carnaúba dos Dantas, já apresentei a vocês o Castelo de Bivar, construído por um morador carnaubense inspirado em um filme épico. Mas este não é o único do RN. Mais próximo de Natal, a 120 km, no município de Sítio Novo (de 5,3 mil habitantes), está o Castelo Zé dos Montes, construído por José Antônio Barreto, em razão de uma visão, que teve ainda quando criança. O castelo está aberto a visitação nos fins de semana e é um passeio bem interessante.

Castelo Zé dos Montes
Castelo Zé dos Montes

José Antônio, conhecido como Zé dos Montes, era criança quando teve uma visão no município de Pedro Avelino, onde nasceu. Era uma aparição de Nossa Senhora que teria dito a ele para construir uma igreja. As visões se repetiram ao longo da vida dele, chegando a acontecer 13 vezes.

O castelo não tem um estilo definido, mas lembra construções mouras
O castelo não tem um estilo definido, mas lembra construções mouras

Quando adulto, Zé dos Montes, que é militar aposentado, começou a construir os castelos pelo Nordeste. Comprou diversos terrenos e começou várias construções. A quantidade de construções e onde foram feitas é um mistério até hoje.

O interior do castelo tem vários labirintos
O interior do castelo tem vários labirintos

Foi em 1984, que Zé dos Montes começou a construir o castelo de Sítio Novo. O terreno fica a 400 metros de altitude e oferece uma vista muito bonita da paisagem da região, que tem bastante formação rochosa e vegetação.

Recado dado
Recado dado

A construção levou 25 anos e, por dentro, ainda não está completamente pronta. Zé dos Montes sempre construiu tudo com ideias da cabeça dele, por isso, o castelo não tem um estilo muito definido, apesar de lembrar construções de arquitetura mourisca. Também não se sabe quanto foi investido na construção, que foi erguida por Zé dos Montes com ajuda de pedreiros contratados por ele.

Capela dentro do castelo Zé dos Montes
Capela dentro do castelo Zé dos Montes

Mas se nas visões Nossa Senhora mandava construir uma igreja, por que ele construiu um castelo? Isso também não se sabe exatamente, pois Zé dos Montes gosta de fazer mistério, mas dentro do castelo tem vários espaços que seriam como capelas. E Zé dos Montes parece ser mesmo fã de castelos, pois em Natal, ele vive em outro castelo que construiu, que fica no bairro das Quintas.

Toda essa história quem me contou foi o filho dele, Joseildo Gomes, que é quem administra a visitação turística do castelo hoje. Segundo o filho, Zé dos Montes não gosta muito da ideia do seu castelo ser atração turística e começou a cobrar entrada justamente como uma solução para evitar os visitantes indesejados, que entravam no terreno sem autorização. “Ele pensava que ninguém ia querer pagar para entrar”, me contou o Joseildo.

Interior do Castelo
Interior do Castelo

Atualmente, o Castelo Zé dos Montes recebe visitantes não só do RN, mas de todo o Brasil e exterior. “Hoje, por exemplo, recebemos turistas da Suíça e da Alemanha”, me disse no dia em que visitamos o castelo, em julho deste ano.

A parte de dentro do castelo é bem rústica, com piso de areia, e boa parte da construção é um labirinto, com partes muito estreitas que podem causar desespero em quem sofre de claustrofobia. Mas é uma visita divertida, especialmente, na companhia de crianças. Lá do alto do castelo, temos de recompensa uma bela vista.

Vista do topo do castelo
Vista do topo do castelo
Vista de uma das janelas
Vista de uma das janelas

O castelo também é muito procurado para ensaios fotográficos, que precisam ser agendados. Para as visitas turísticas, o castelo está aberto aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 17h. A entrada é R$ 10 por pessoa. Lá também funciona um restaurante, com opções de almoço e lanches.

Contato:

(84) 98751-8972 (Joseildo Gomes)

Pulando com os sobrinhos
Pulando com os sobrinhos

Carnaúba dos Dantas (RN) – Sítio Arqueológico Xique-Xique, Monte do Galo e Castelo de Bivar

Carnaúba dos Dantas, a 219km de Natal, na região do Seridó do Rio Grande do Norte, é um município pequeno, com apenas 8 mil habitantes, mas cheio de atrativos turísticos. Entre eles estão o sítio arqueológico Xique-xique, com pinturas rupestres estimadas em 9 mil anos; o Monte do Galo, lugar que atrai romeiros de todo o Brasil, e o Castelo de Bivar. Tanto potencial ainda é pouco aproveitado e o município ainda não recebe tantos turistas quanto deveria, mas aos poucos vai sendo descoberto por turistas locais, nacionais e até mesmo estrangeiros.

Castelo de Bivar (esquerda), sítio Xique-xique no centro e Monte do Galo (direita)
Castelo de Bivar (esquerda), sítio Xique-xique no centro e Monte do Galo (direita)

Nós visitamos Carnaúba dos Dantas, durante nossa viagem pelo RN com os nossos sobrinhos, que incluiu também o sítio arqueológico do Lajedo Soledade, em Apodi; a cidade de Martins e o Castelo Zé dos Montes, em Sítio Novo.

Como chegar

Onde ficar

Nós não nos hospedamos em Carnaúba dos Dantas, pois estávamos em uma viagem que incluiu outros destinos. Mas existem duas opções de pousadas na cidade, Maria Bonita (Mirna – 84 98798-7738) e Carnaúba ( Edilza – 84 8700-2540).

Sítio Arqueológico Xique-Xique

Para visitar os sítios arqueológicos Xique-xique, agendamos antecipadamente com o guia Carlinhos (Damião Carlos Dantas), que nos levou também ao Monte do Galo. Encontramos com Carlinhos no centro da cidade e de lá seguimos de carro para a fazenda Xique-xique, onde estão os sítios arqueológicos.

Nosso guia Carlinhos
Nosso guia Carlinhos

A entrada é de R$ 5 por pessoa, além da taxa do guia que foi de R$ 100 pelo grupo e todo o passeio que durou em torno de 4h.

No caminho para o sítio Xique-xique 1
No caminho para o sítio Xique-xique 1

Os sítios Xique-Xique foram registrados em 1924, pelo carnaubense, José de Azevedo Dantas. Mas só em 1961 foi declarado Patrimônio Cultural Nacional, estando protegido por lei. Com isso, a destruição das pinturas ou remoção de qualquer material do local, passou a constituir crime, com pena de multa ou detenção.

Sítio Xique-xique 1
Sítio Xique-xique 1

Segundo Carlinhos nos explicou as pinturas dos sítios Xique-xique teriam aproximadamente 9 mil anos e fazem parte da chamada tradição Nordeste, sub tradição Seridó. As pinturas do sítio arqueológico que visitamos no Lajedo Soledade são de outra tradição, chamada de Agreste, e estima-se que tenham cerca de 5 a 6 mil anos. “Quando a gente fala em pinturas rupestres não estamos falando dos índios que estiveram aqui no período do descobrimento do Brasil ou no período da chamada Guerra dos Bárbaros. Mas estamos falando dos ancestrais desses povos”, nos esclareceu o guia.

Pinturas rupestres no Xique-xique 1
Pinturas rupestres no Xique-xique 1

Pinturas rupestres no Xique-xique 1
Pinturas rupestres no Xique-xique 1

Pinturas rupestres no Xique-xique 1
Pinturas rupestres no Xique-xique 1

As pinturas dos sítios Xique-xique representam animais, plantas e figuras humanas, algumas delas com ornamentos, como cocares, armas, máscaras e outros instrumentos. As imagens compõem cenas de rituais, caçadas, e outras atividades da vida cotidiana. “Os principais temas dos painéis são dança, caça, luta e sexo. Isso nos painéis que são bem definidos. Mas também temos painéis de grafismos puros, que são pinturas abstratas, que não sabemos o significado”, nos contou Carlinhos.

As pinturas foram feitas no Quartzito, rocha predominante na região, usando óxido de ferro (conhecido como pedra tauá ou limonito) para as cores vermelha e amarela, caulim envelhecido para a cor branca e carvão vegetal para o preto. “O óxido de ferro usado para o vermelho e amarelo é o pigmento mais comum e também foi usado em pinturas rupestres em outras partes do mundo”, ressaltou Carlinhos.

Pinturas no Xique-xique 2
Pinturas no Xique-xique 2

Nos sítios Xique-xique também tem petroglifos, que são gravuras esculpidas na rocha, chamadas de Itaquatiara, na língua tupi guarani.

Carlinhos nos explicou que pela facilidade de acesso e preservação das pinturas, os sítios Xique-xique estão os principais deste tipo de tradição. As imagens são bem diferentes das que vimos no Lajedo Soledade, por isso, vale a pena visitar os dois.

Com os nossos sobrinhos no Xique-xique 2
Com os nossos sobrinhos no Xique-xique 2

O guia também nos contou que os povos que fizeram as pinturas não habitavam o lugar. “Eles vinham principalmente para ter uma visão privilegiada, um ponto estratégico de defesa e retratavam o cotidiano. Nas pinturas vemos araras, macacos, capivaras. O que mostra que tínhamos uma biodiversidade completamente diferente, que foi transformada pela ação do homem, inclusive, tínhamos aqui um rio perene que já não existe mais”.

Após o desaparecimento dos povos que habitaram a região do Seridó no período pré-histórico, as pinturas ficaram esquecidas por anos e anos, até serem registradas por José Dantas. Quando tornou-se Patrimônio Cultural ficou sob responsabilidade do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), autarquia do governo federal. Para o local estar apto para receber visitas turísticas foram construídas escadarias, pontos de apoio, murais explicativos e passarelas. Também são feitas ações de controle de insetos, plantas e outros elementos que interferem na preservação das pinturas.

Nós visitamos os sítios Xique-Xique 1 e 2, que são os mais acessíveis e também mais importantes. O Xique-Xique 4 também é de fácil acesso, mas estávamos com pouco tempo para fazer a visita. As pinturas são impressionantes pelos detalhes. No Xique-Xique 1, a quantidade delas é enorme. Os nossos sobrinhos também adoraram a visita, que pode ser feita por pessoas de qualquer idade, desde que tenha condições de subir as escadas e fazer a caminhada.

Castelo de Bivar (ou Di Bivar)

Castelo de Bivar
Castelo de Bivar

No caminho entre o sítio Xique-xique e o Monte do Galo, passamos pelo Castelo de Bivar. Construído em 1984, pelo carnaubense José Ronilson Dantas, o castelo está fechado há alguns anos para visitas porque está em reforma. Mas paramos para fazer uma foto do lado de fora da cerca, que tem um aviso bem claro para não entrar na propriedade.

O castelo tem inspiração medieval e foi construído por José Ronilson com a ideia de ser sua residência, inspirado no filme El Cid, de 1961, que segundo a Wikipedia, conta a história romanceada da vida do cristão e maior herói do Reino de Castela o cavaleiro Don Rodrigo Díaz de Bivar, chamado de “El Cid” (do árabe as-Sidi, que significa “O Senhor”).

O castelo está fechado para visitas
O castelo está fechado para visitas

Uma pena o castelo está fechado, pois se estivesse aberto para visitas, poderia atrair ainda mais turistas para o pequeno município de Carnaúba dos Dantas.

Monte do Galo

Monte do Galo
Monte do Galo

A maior parte dos visitantes que Carnaúba dos Dantas é de romeiros que vão pagar promessa para Nossa Senhora das Vitórias, subindo o Monte do Galo, que tem 155 metros de altura.

A subida ao Monte é de cerca de 800 metros, passando pelas 12 estações, que representação a Via Sacra de Cristo, construída pelas famílias da cidade. Lá no alto do monte, tem a igreja de Nossa Senhora das Vitórias, a sala dos ex-votos, onde as pessoas vão pagar suas promessas, a estátua do galo e o cruzeiro. Além de uma bonita vista para o planalto da Borborema e para a cidade de Carnaúba dos Dantas.

Subida para o Monte do Galo
Subida para o Monte do Galo

De acordo com Carlinhos, o Monte é um lugar místico e ele mesmo conta que já teve uma experiência espiritual lá. “Eu estava no alto do Monte, próximo ao galo, quando vi uma mulher de azul, entrar na capela. Quando desci para conversar com ela, não tinha ninguém. Uma mulher se dirigiu à capela, vestida de azul, e quando desci, não tinha mais ninguém na capela. Meus cabelos ficaram todos arrepiados”, conta.

Capela Nossa Senhora das Vitórias, Monte do Galo
Capela Nossa Senhora das Vitórias, Monte do Galo

A história do Monte do Galo começou no século 19. Antes, a colina se chamava Serrote Grande até que o fazendeiro da região Antônio Dantas e seus funcionários ouviram o cantar do galo, no alto do monte. Em 1928, a população construiu uma estátua do galo para lembrar a história.

Sala do Ex-votos
Sala do Ex-votos

No mesmo ano, outro carnaubense, Pedro Alberto Dantas, doou uma imagem de Nossa Senhora das Vitórias para o Cruzeiro, construído pela Igreja no alto do Monte do Galo. A imagem foi trazida por ele do Pará, onde Pedro trabalhava durante os anos do Ciclo da Borracha, após ter sido curado de beribéri, uma doença causada pela deficiência de vitamina B1, que pode ter como sintomas cãibras musculares, visão dupla e confusão mental.

Segundo nos contou Carlinhos, Pedro, que estava entre a vida e a morte, quando viu uma a aparição de uma mulher com manto azul e rosa que dizia ser Nossa Senhora das Vitórias. Pedro ficou curado e resolveu voltar para Carnaúba, trazendo uma imagem de Nossa Senhora das Vitórias.

Com os nossos sobrinhos, vista do Monte do Galo
Com os nossos sobrinhos, vista do Monte do Galo

A história do município

Como vocês perceberam todo mundo no município tem o sobrenome Dantas. Carnaúba dos Dantas foi criado no ano de 1953, tendo sido desmembrado do município de Acari. O nome da do município faz referência a este tipo de palmeira, que é abundante na região, e a família Dantas, proprietária das fazendas que existiam onde hoje é o município.

Quer viajar para Natal? Confira estas promoções que encontramos para você!

Hospede um intercambista: conheça o trabalho da AIESEC e saiba como receber jovens de outros países em casa

Viajar para outros países é uma oportunidade de conhecer outras culturas, aprender ou praticar outras línguas. Uma outra forma de vivenciar essas experiências é hospedando um intercambista. Há tempos que eu queria apresentar a vocês o trabalho da AIESEC, uma organização global sem fins lucrativos que se propõe a gerar líderes conscientes, através de intercâmbios e voluntariado.

Encontrei agora uma ótima oportunidade, pois eles estão em busca de voluntários para receberem jovens de várias partes do mundo que chegarão nos próximos meses. Para explicar melhor como funciona o trabalho da AIESEC e como fazer para receber um jovem em casa, fiz uma rápida entrevista com a Diretora de Intercâmbios Sociais para Organizações da AIESEC Natal-RN, Carla Cecília Santos. Continuar lendo Hospede um intercambista: conheça o trabalho da AIESEC e saiba como receber jovens de outros países em casa


Sorteio 4 anos do CV: Créditos de R$ 30 para usar na Sorveteria Real de 14, em Natal

Durante todo o mês de fevereiro, estamos comemorando o aniversário de 4 anos do Compartilhe Viagens, com uma série de sorteios em nosso Instagram (@compviagens) para presentear vocês leitores. O nosso terceiro sorteio é especialmente para os meus conterrâneos de Natal-RN ou para quem vai visitar a capital potiguar no próximo mês. Vamos sortear 5 créditos de R$ 30 para usar na Sorveteria Real de 14, loja de Ponta Negra. O regulamento também será divulgado em nosso IG.

Continuar lendo Sorteio 4 anos do CV: Créditos de R$ 30 para usar na Sorveteria Real de 14, em Natal


Programação do Carnaval em Natal-RN: Carnaval em Natal terá grandes atrações nacionais e locais

Natal não costumava ser uma cidade de grandes carnavais. Mas desde o ano passado, a festa vem ganhando força e a cidade passou a receber grandes atrações. A programação completa para o Carnaval 2016 foi divulgada, nesta quinta-feira (28), e tem nomes nacionais como Alceu Valença, Elba Ramalho, Monobloco, Neguinho da Beija-Flor e Margareth Menezes, além de conhecidas atrações locais, entre elas, a cantora Krystal e a  Banda Grafith.

A abertura oficial do Carnaval Multicultural de Natal acontece na quinta-feira (4), no Largo do Atheneu,  em Petrópolis, com o tradicional Baile de Máscaras.

Confira a programação completa:

Continuar lendo Programação do Carnaval em Natal-RN: Carnaval em Natal terá grandes atrações nacionais e locais