O que fazer no verão em Berlim – nos dias de sol e de chuva (Dicas de uma berlinense)

Berlim é a melhor lugar do mundo. Meu lugar favorito já que eu nasci aqui e vivi aqui basicamente minha vida inteira (exceto pelos meses e anos que estive viajando fora). Até se eu estou viajando, eu sei que no final, eu sempre irei voltar porque Berlim – é o meu lar.

Eu amo Berlim no verão porque a cidade está vibrante, viva e colorida nesses meses entre junho e setembro. Tem sempre tantos eventos que eu não sei onde ir primeiro. ^^ Entretanto,  Berlim  sempre merece uma visita também no inverno. Irei escrever um post com um roteiro de inverno e o que fazer nos dias chuvosos depois.

Como você tem tantas ótimas atividades em Berlin, tem sempre também ótimos descontos para encontrar no Groupon, onde você pode economizar alguns euros.

Reserve sua hospedagem em Berlim

Continue lendo este post:

O que fazer ao ar livre

Berlim é uma das capitais mais verdes do mundo e, assim sendo, você pode relaxar em um dos bonitos parques de Berlim. Os meus favoritos, onde você pode ir para uma corrida, passear ou levar um livro com você para relaxar na grama são o Tiergarten, Rehberg (onde você pode relaxar na praia do Strandbad Plötzensee e tomar um cocktail no bar da praia), Mauerpark (onde você irá encontrar toda a gente criativa de Berlim e todo domingo é aqui o mais mercado de pulgas de Berlim. Você pode apreciar um dos melhores pôr do sol de Berlim aqui de cima com um bom piquenique também), Volkspark Friedrichshain (onde você pode também jogar vôlei) e Preußenpark (onde você pode ter a melhor comida de rua tailandesa, veja os detalhes em “Onde comer ao ar livre”.

Pôr do sol no Tiergarten
Pôr do sol no Tiergarten

Pôr do sol no Mauerpark durante o Fête de la Musique 2017
Pôr do sol no Mauerpark durante o Fête de la Musique 2017

Em um dia quente em Berlim, refresque-se em dos ótimos lagos de Berlim. Meus favoritos são Plötzensee, Wannsee, Tegeler See e Kiessee.

Outra opção é ir nadar em uma das piscinas abertas de Berlim, como Sommerbad Humboldthain, Sommerbad Pankow e Strandbad Wannsee.

Wannsee
Wannsee

Ao lado dos parques abertos listados acima,  estão outros que são cuidados pela empresa Grün Berlin Gruppe (Grupo Green Berlin) e são muito especiais.

Pôr do sol no Wannsee perto do Strandbad Wannsee
Pôr do sol no Wannsee perto do Strandbad Wannsee

  • Tempelhofer Feld: o maior espaço verde aberto no meio da cidade onde você pode também alugar algumas bicicletas ou jogar no minigolf ao ar livre.
  • Park am Gleisdreieck: um parque urbano que foi criado como resultado para que empresas fossem autorizadas a construir seus prédios na Potsdamer Platz. Um oasis verde onde você pode usar a pista de skate, boliche ou participar de uma das equipes esportivas.
  • Gärten der Welt (Jardins do Mundo): uma experiência única para apreciar arte internacional de jardinagem.
  • Britzer Garten: “o mais bonito jardim de Berlim” como eu já li, ouvi e vi.
  • Spreepark: é o antigo parque de diversões da cidade que foi fechado porque o último dono fugiu com todo o dinheiro…. Eu até fui lá quando era criança e ainda estava aberto e tenho ótimas memórias com este parque. Agora é tipo um “parque perdido” que sempre é interessante para visitar e participar de um dos tours guiados.

Jogando no ao minigolf ao ar livre no Tempelhofer Feld
Jogando no ao minigolf ao ar livre no Tempelhofer Feld

Todas as informações em Grün Berlin: https://gruen-berlin.de/en

Em 15 de outubro de 2017 será a Exibição Internacional de Jardins de Berlim (IGA Berlin) que é incrivelmente bonita com todas as flores diferentes de todos os lugares do mundo.  Tem também alguns eventos especiais como consertos, leituras ou teatro a tarde ou à noite onde você precisa reservar diferentes ingressos antecipadamente.

IGA Berlin 2017

Hellersdorfer Str. 159, Berlin; 0180 1 4422017

Horário:  Segunda a Domingo, das 9h às 20h

Preço: 20 Euro para adultos e  18 Euros, tarifa reduzida.

https://iga-berlin-2017.de/en

Depois das belas flores de todo o mundo na IGA Berlin, você deveria visitar também Berlin Zoo ou Berlin Tierpark enquanto você estiver em Berlim. Ambos são incríveis com muita natureza e ótimos animais.

Para uma divertida e esportiva atividade ao ar livre, você deveria ir “escalar árvores” por um dia. Há boas ofertas para escalar árvores em Berlim na floresta como Waldhochseilgarten Jungfernheide ou Kletterwald Wuhlheide.

Waldhochseilgarten Jungfernheide

Heckerdamm 260, 13627 Berlin, Telephone: +49 30 340 948 18

Horário: Segunda à Sexta, das 11h às 19h, Sábado e Domingo, das  9h às 20h

Preço: dias de semana – 19 Euros adultos. 16 Euros preço reduzido. 13 Euros crianças menores que 14 anos. Fins de semana: 22 Euros adultos. 19 Euros preço reduzido. 16,00 Euros crianças menores que 14 anos.

http://www.waldhochseilgarten-jungfernheide.de/english.html

Kletterwald Wuhlheide

An der Wuhlheide 199, 12459 Berlin, Telephone: +49 30 301 352 67

Horário: Segunda a domingo, das 10h às 19h

Preço: Dias de semana: 16 Euros adultos. 13 Euros preço reduzido. 10 Euros crianças menores de 14 anos. Fins de semana: 18 Euros adultos. 15 Euros preço reduzido. 12 Euros crianças menores de 14 anos.

http://www.kletterwald-wuhlheide.de/

Depois de um ótimo dia cheio de atividade e explorando Berlim, você irá aproveitar o uma noite quente de verão relaxando e fazendo um piquenique em um dos cinemas ao ar livre de Berlim. Para o seu piquenique, normalmente, é permitido levar tudo, exceto garrafas de vidro. Tem muitos cinemas ao ar livre e você irá encontrar um filme interessante toda noite em um deles com certeza: https://www.zitty.de/freiluftkinos-in-berlin/

Dançar no Strandbar Mitte no Monbijou Park já é algo lendário. Todo dia é um estilo de dança diferente que você pode aprender ou praticar. De segunda a sexta-feira, começa às 8 horas e no sábado e domingo começa às 17h. Os estilos são: segunda – Swing, terça – Cha Cha, Walzer & Co, quarta – Tango argentino, quinta- Salsa, sexta e sábado – Swing, domingo – Tango argentino.

Strandbar Mitte na margem do rio no Monbijou Park com a torre de Tv ao fundo
Strandbar Mitte na margem do rio no Monbijou Park com a torre de Tv ao fundo

Curta Berlim de bicicleta

Berlim é uma cidade muito plana e com muitas ciclovias, o que é perfeito para explorar a cidade de bicicleta. Você irá mais rápido do primeiro lugar imperdível ao outro e ao mesmo tempo você treinar alguns dos seus músculos para poder tomar mais sorvete ou outro cheesecake (veja comida ao ar livre mais abaixo). ^^

O melhor e mais barato jeito é usar o CALL-A-BIKE da Deutsche Bahn, patrocinado pela LIDL. Você irá precisar se registrar e pagar uma taxa anual de apenas 3 Euros e, então, você pode começar a alugar bicicletas, É 1 Euro por 30 minutos e no máximo 15 Euros por um dia. Como você normalmente irá pedalar de um lugar ao outro por no máximo 30 minutos, você pode deixar a bicicleta lá e passear um pouco e depois alugar novamente, que sai mais barato do que alugar uma pelo dia inteiro. Você irá precisar baixar o app “Call a Bike” para encontar e alugar suas bicicletas cada vez. Como eu tenho minha própria bicicleta em Berlim, eu nunca uso o sistema em Berlim, mas eu realmente usei muito em Hamburgo e Colônia e é super fácil, mais barato que transporte público e mais divertido. Um amigo meu, Felix, usa em Berlim e recomenda para a cidade também.

Registre e alugue suas bicicletas aqui: https://www.lidl-bike.de/de

Call-a-bikea onde você for, apenas pegue uma e explore a cidade
Call-a-bikea onde você for, apenas pegue uma e explore a cidade

Se você quiser pedalar para mais longe, eu recomendo seguir pela ciclovia ao longo do antigo muro de Berlim (“Berliner Mauerweg”). Você irá atravessar a parte principal da cidade do Norte ao Sul, por uma bela natureza.

Norte do Berlin Mauerweg
Norte do Berlin Mauerweg

Além disso, você pode percorrer por uma bonita natureza também nos arredores de Berlim, como Grunewald, em torno de Wannsee ou por alguns castelos no entorno de Berlim como Schloss Niederschönhausen, Schloss Charlottenburg, Schloss Sanssouci em Potsdam, Schloss Diedersdorf ou Schloss Genshagen.

Schloss Sanssouci em Potsdam
Schloss Sanssouci em Potsdam

Schloss Genshagen
Schloss Genshagen

Berlim oferece também  excelentes tours de bicicleta, caso você prefira uma visita guiada. Nunca fui em um, mas ouvi coisas boas sobre esses passeios. Eles até receberam alguns prêmios. O começo varia dependendo do tour  escolhido. O ponto de partida é a 5 minutos da Torre de TV,   Alexanderplatz. Eles recomendam reservar o passeio com antecedência online – mesmo que não seja uma obrigação. Caso faça uma tour, deixe um comentário abaixo e compartilhe sua experiência. 😊

FREE BERLIN – Aluguel de bicicletas e passeios

http://www.fahrradtouren-berlin.com/en/

Aproveite de Berlim de barco

O centro de Berlim é dividido pelo rio Spree. Se você for em um passeio de barco ao longo do rio no centro da cidade, você verá as principais atrações, como Museumsinsel (ilha do museu), Regierungsviertel (distrito governamental), o muro de Berlim East Side Gallery, Hauptbahnhof (principal estação ferroviária de Berlim) e muuuuuitas pontes, já que Berlim tem 916 pontes, mais que o dobro da quantidade de pontes de Veneza.

Existem várias empresas que oferecem passeio de barco e a melhor ideia seria ir a um dos cais como perto da estação de trem Hackescher Markt e ter uma ideia que a empresa sai em breve e ir a bordo e desfrutar! 😊 Normalmente, os preços são mais ou menos bem parecidos.

Se preferir, você pode comprar online um passeio de barco em Berlim aqui: https://compartilheviagens.rgi.ticketbar.eu/pt/ticketbar-berlin/#CanalCruises

Passeio de barco no rio Spree
Passeio de barco no rio Spree

A outra opção seria alugar um pedalinho ou um barco a remo e explorar um dos lagos da cidade e relaxar na água e ao sol. Na maioria dos lagos tem  aluguéis de barcos. O aluguel de barcos mais central provavelmente seria no Café am Neuen See em Tiergarten. Se você estiver indo lá, certifique-se de ter algum tempo para explorar toda a beleza da natureza em Tiergarten e depois pegar uma cerveja no Café am Neuen See em sua atmosfera idílica ao ar livre (detalhes na seção de alimentos ao ar livre).

Barco a remo no Café am Neuen See, Tiergarten
Barco a remo no Café am Neuen See, Tiergarten

 

Compre ingressos para atrações em Berlim online e fure filas

Continue lendo este post:

Onde comer ao ar livre

Sorvetes no Hockey Pockey
Sorvetes no Hockey Pockey

A melhor sorveteria em Berlim é a Hockey Pockey. Eles sempre mudam os sabores de sorvete e é uma surpresa toda vez que você vai, as novidades que eles têm. Eu sou totalmente viciada no sorvete de maracujá (passionfruit) com chocolate branco. Hummm, só de escrever sobre isso, parece que tenho que ir lá depois de terminar o post para vocês. ^^

Eispatisserie Hockey Pockey

Stargarder Str. 73, 10437 Berlin (em meados de agosto, eles irão abrir uma nova loja na estação de trem Vinetastraße, Pankow)

Horário: Segunda a domingo, das 12h às 22h

Incrivelmente delicioso cheesecake do Neuendorff Bäckerei
Incrivelmente delicioso cheesecake do Neuendorff Bäckerei

Você terá o melhor cheesecake no Café Dreikäsehoch. Existem três lojas diferentes em Berlim: Charlottenburg, Prenzlauer Berg e Teltow (como Neuendorff Bäckerei). Há outro que vende os mesmos bolos em Potsdam como Café Guam. Antes de ir para um deles, certifique-se de que está indo com o estômago vazio porque você quer comer todos eles. Hahaha

Café Dreikäsehoch

  • Prenzlauer Berg: Kollwitzstraße 44, 10405 Berlin, Telephone: +49 30 265 659 90

Horário: Segunda à sexta, das 8h às 18h, Sábado e domingo, das 9h às 18h

Charlottenburg: Kaiserdamm 20, 14057 Berlin, Telephone: +49 30 33 00 89 90

Horário: Segunda a sábado, das 9h às 18h, Domingos, das 11h às 18h

http://www.dreikaesehoch.berlin/

A melhor comida tailandesa ao ar livre é servida na Preußenpark (também chamada pelas pessoas de Berlim de “Thai Park”) próximo a estação de trem Fehrbelliner Platz. Nos fins de semana, por volta das 12h é normal o parque começar a ficar lotado com asiáticos  the normal park starts to get crowded with Asian people, vendendo sua comida deliciosa. Você precisará de tempo para decidir e provar  do seu caminho tantos pratos deliciosos.  Para um dia de comida no Thai Park, leve seu próprio cobertor para sentar na grama, dinheiro, protetor solar e tempo.

Thai Park

Preußenpark, Brandenburgische Str., 10707 Berlin

Horário: em dia quente e com bom clima: Sábado e Domingo, das 12h às 21h, com bom tempo e sol também funciona durante a semana.

Para um final de dia perfeito, recomendo tomar uma cerveja em um dos jardins da cerveja (Biergarten) de Berlim. Meu favorito fica no meio da cidade no parque Tiergarten, no lago Neuer See. É o adorável Café am Neuen See com luminárias nas árvores e uma atmosfera romântica. Você estará no meio da natureza mesmo estando  no coração do centro da cidade de Berlim.

Café am Neuen See

Lichtensteinallee 2, 10787 Berlin

Telephone: +49 30 254 4930

Horário: Segunda a domingo, das 9h até meia noite

http://www.cafeamneuensee.de/

No caso de você preferir comer no topo de uma das famosas coberturas (rooftops) com vista maravilhosa de Berlim e com ótima atmosfera, você irá amar Klunkerkranich. Não é fácil encontrar, pois está no topo de um estacionamento do centro comercial Neukölln Arkaden. Você precisa entrar no shopping center, pegar o elevador até o último andar, atravessar o estacionamento e subir uma pequena rampa. Mas uma vez que você chegar lá, tenho certeza que você se apaixonará por esse lugar! É ao ar livre e oferece uma vista deslumbrante da cidade em combinação com boa comida e um bom bar.

Café am Neuen See
Café am Neuen See

Klunkerkranich

Karl-Marx-Straße 66, 12043 Berlin,no topo do estacionamento do shopping Neukölln Arkaden

Horário: Segunda à sábado, das 10h às 14h, Domingo, das 12h às 2h

Vista do Klunkerkranich
Vista do Klunkerkranich

Espero que vocês aproveitem minha bonita cidade tanto quanto eu. A cada esquina, cada minuto oferece algo especial em Berlim. Então, explore e aproveite! 😊

Leia também:

https://compartilheviagens.com.br/o-que-fazer-em-berlim-roteiro-sugerido-por-uma-alema/

Viaje tranquilo! Cote seu seguro viagem com a Mondial Assistance ou a Real Seguro.

Post escrito originalmente em inglês por Juliane Boll. Tradução para o português por Karla Larissa.

Read this post in English:

Enjoy your summer in Berlin – on sunny AND rainy days

Quer viajar para Berlim? Confira estas promoções que encontramos para você!

Retrospectiva 2016: as 8 viagens que marcaram o nosso ano

É quase um consenso que 2016 não foi um ano fácil, em muitos aspectos (política no Brasil e no Mundo, crise econômica, tragédias etc), mas em termos de viagens, nós não temos o que reclamar deste ano. Viajamos menos do que em 2015, afinal, ano passado, passamos 5 meses fora, no Dois na América, mas conseguimos visitar destinos que há muito tempo sonhávamos em conhecer. E, também, como fizemos viagens mais curtas, conseguimos ter um pouco mais de conforto. Ah! E o melhor de tudo, enquanto publico esta retrospectiva, estamos fazendo uma viagem linda, que há anos planejamos (acompanhe no nosso IG @compviagens). Então, só tenho que esperar coisas boas para 2017! Agora, vamos ao nosso top 7 de viagens marcantes de 2016:

Continuar lendo Retrospectiva 2016: as 8 viagens que marcaram o nosso ano


Lista do que fazer antes de viajar pelo mundo

Como falei antes para vocês, estou deixando minha amada cidade, Berlim, meus amigos e minha família para sair da minha zona de conforto e ver o mundo sozinha.

Minha lista de coisas para fazer antes de viajar
Minha lista de coisas para fazer antes de viajar

Não foi uma decisão fácil, mas sobre esta história vocês podem ler aqui: Viajando sozinha por 6 meses: a 26 horas de distância.

Antes que eu possa viajar o mundo com a cabeça tranquila, tenho muitas coisas para organizar em casa e neste post quero contar a vocês o que vocês precisam  fazer antes de deixar a sua cidade.   Continuar lendo Lista do que fazer antes de viajar pelo mundo


Bate-volta a partir de Berlim: 1 dia em Potsdam, a cidade dos jardins e palácios prussianos

A menos de 30 minutos de trem de Berlim fica a encantadora Potsdam, a cidade dos jardins e palácios prussianos. São mais de 150 edifícios construídos entre 1730 e 1916 e que lhe renderam o título de Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. Em nossa última ida a Berlim (julho de 2016), nossa amiga alemã, Juli, nos levou para fazer um bate-volta em Potsdam e me apaixonei pela cidade. <3 Neste post compartilho com vocês dicas de como chegar à cidade, como garantir os ingressos e o que visitar em 1 dia.

Jardins do Palácio Sanssouci
Jardins do Palácio Sanssouci

Continuar lendo Bate-volta a partir de Berlim: 1 dia em Potsdam, a cidade dos jardins e palácios prussianos


Uma vida de menos ostentação e mais significados

Durante o nosso Verão na Europa, entre junho e julho deste ano, revisitamos Berlim. Chegamos à capital da Alemanha no dia do aniversário da nossa amiga, Juli, que havia nos convidado para participar da sua festa.

Ela foi nos buscar na rodoviária, onde chegamos de Praga. Com sua alegria contagiante, por debaixo do casaco estava com serpentinas enroladas no pescoço e na mão carregava um balão em formato de centopeia (ironicamente sem pés), presentes da comemoração no seu trabalho. No caminho para casa de Juli, paramos nos Correios para enviarmos uns postais e ela, uma encomenda, e lá mesmo, viramos a nossa primeira dose de uma bebida que até hoje não sei o que era.

Mesa para o aniversário de Juli
Mesa para o aniversário de Juli

Bebemos e não fomos colocados para fora. É engraçado como na Alemanha, as coisas são muito menos rígidas do que a gente imagina.

Perguntei a Juli quais eram os planos para o aniversário e como estavam os preparativos para festa. “Ainda vamos passar no mercado e preparar tudo”, ela respondeu. Isso era umas 15h e a festa deveria começar umas 19h. Continuar lendo Uma vida de menos ostentação e mais significados


Nunca é tarde para começar a viajar

Estávamos em um ônibus em Potsdam, uma bela cidade que fica cerca de 40 minutos distante de Berlim, quando entrou um senhor que aparentava ter mais de 70 ou talvez 80 anos e tentava comprar a passagem do ônibus na máquina com certa dificuldade. Depois de um tempo, uma moça o ajudou. Ele sentou próximo de onde estávamos eu, Fred e nossa amiga alemã Juli.

Pelo guia que tinha na mão, ele era um turista japonês. Viajando sozinho naquela idade. Começamos a pensar sobre o que o levara a viajar sozinho mesmo já sendo bastante idoso.

Juli e Fred comentaram que sentiam pena do velhinho por naquela idade não ter companhia para viajar. A princípio, também senti pena quando ele não estava conseguindo operar a máquina, mas, na verdade, eu também não sei mexer direito nelas. Então, logo pensei: “Que máximo! Nessa idade ainda ter vontade de viajar, de conhecer o mundo e ter coragem de ir sozinho”.

Imaginei que para estar viajando naquela idade sozinho, ele deveria ser um viajante experiente. Depois pensei: “e se só depois de idoso ele teve oportunidade de viajar, depois de uma longa vida de trabalho e cuidado com a família?”

Bem, a história do velhinho japonês, eu nunca irei saber já que não chegamos a conversar com ele, pois logo tivemos que descer do ônibus. Mas posso contar a vocês um pouco da minha história de viajante e sobre como nunca é tarde para começar a viajar. Continuar lendo Nunca é tarde para começar a viajar


Verão na Europa: dicas para você planejar a sua viagem

A viagem que fizemos entre meados de junho e julho deste ano, da qual acabamos de retornar, foi a nossa terceira vez na Europa e a primeira no verão. Antes tínhamos ido na primavera (2012) e outono (Volta ao Mundo, em 2013) e precisarei de preparo psicológico, caso um dia queira encarar o inverno. Mas o fato é que, no verão, a Europa ganha outras cores, outro ritmo e uma atmosfera diferente (pude comparar isso com Alemanha, por exemplo, que fui pela segunda vez), mas tudo depende do planejamento e do roteiro que você irá escolher. Por isso, reuni neste post algumas dicas para você curtir o #verãonaeuropa da melhor forma possível.

Continuar lendo Verão na Europa: dicas para você planejar a sua viagem


Viagem para Europa em tempos de atentados terroristas – A nossa experiência

Chegamos de viagem na última sexta (22) e gostaria de começar as publicações no blog contando o quão maravilhoso foi o nosso #verãonaeuropa. Mas não posso fechar os olhos para o fato de que nestes 30 dias em que estivemos na Europa, aconteceram, somente por lá, 3 atentados terroristas: em Istambul (Turquia) Nice (França) e no trem da linha Treuchtlingen – Würzburg (Alemanha), além da tentativa de golpe militar na Turquia que também fez centenas de vítimas. Sem contar o atentado da última sexta em Munique, no dia em que chegamos da Alemanha para o Brasil e que ainda não teve as motivações esclarecidas. Em primeiro lugar, gostaria de dizer que está tudo bem com a gente e que este post não é para desestimular ninguém a viajar para Europa, mas contar a nossa experiência nesta viagem e como graças a algumas decisões que tomamos não presenciamos nenhuma dessas tragédias.

Homenagem em Berlim às vítimas dos atentados de Nice
Homenagem em Berlim às vítimas dos atentados de Nice

Continuar lendo Viagem para Europa em tempos de atentados terroristas – A nossa experiência