Depois de dias de chuva, a Primavera parece que finalmente resolveu começar em Londres. Hoje fez um lindo dia de sol e, por aqui, domingo de sol dá praia, ou melhor, dá parque!

Aproveitamos o dia para visitar vários parques da cidade, como fazem os londrinos. Com o surgimento do sol, a cidade ganhou cor. O cinza deu lugar ao azul no céu londrino, riscado de rastros de aviões.

Céu azul em Londres, coisa rara de se ver
Céu azul em Londres, coisa rara de se ver

As crianças puderam andar de patinete, patins, bicicleta, soltar pipa. Os adultos mais abastados baixaram a capota dos seus conversíveis. As adolescentes vestir saia e shorts. E os rapazes bermudas e chinelos. Mas só os londrinos, os turistas diminuíram a roupa, mas nem tanto, pois aqui o vento é sempre gelado.

Mas eu ainda arrisquei tomar um sorvete, daqueles tradicionais e coloridos carros de ice cream de Londres. Sabor creme. Uma delícia!

Sorvete e Londres, combinação improvável, mas possível
Sorvete e Londres, combinação improvável, mas possível

Começamos o passeio pelo Holland Park. Um dos mais bonitos que visitamos aqui em Londres. Estava todo florido, com pessoas tomando banho de sol na grama e fazendo picnics. Nós fizemos um ensaio de picnic e, ao invés de almoçarmos na grama, comemos em um banquinho.

O colorido do Holand Park
O colorido do Holand Park
Os londrinos aproveitaram o dia para pegar sol na grama
Os londrinos aproveitaram o dia para pegar sol na grama
E também fazer picnic
E também fazer picnic

No Holland Park também fica o Kyoto Garden, um jardim japonês belíssimo. Tinha até uma cerejeira florida. Além de, uma fonte pequena e vários pavões reais. No parque todo, aliás, tinha vários animais, diversas espécies de pássaros e, claro, os esquilos, que estão por toda parte.

No Kyoto Garden, lindo jardim japonês
No Kyoto Garden, lindo jardim japonês
Pavão real no Holand Park
Pavão real no Holand Park

De lá, seguimos para o Primrose Hill, descemos na estação St John´s Wood e fomos passeando pelo bairro até que encontramos a Abbey Road, onde fica a famosa faixa de pedestre, onde os Beatles fotografaram a capa do álbum que leva o nome da rua.

Atravessando a Abbey Road na faixa de pedestre mais famosa do mundo
Atravessando a Abbey Road na faixa de pedestre mais famosa do mundo

O Primrose Hill estava lotado, principalmente no alto da colina, de onde se tem uma linda vista panorâmica de Londres. É de tirar o fôlego. O clima  era de muita alegria, todo mundo querendo curtir o dia de sol, apesar da lama deixada pelos dias de chuva.

Vista do alto do Primrose Hill
Vista do alto do Primrose Hill
Nós no Primrose Hill
Nós no Primrose Hill
Primrose Hill
Primrose Hill

Atravessamos a Prince Albert Road e seguimos a caminhada em direção ao Regent´s Park. No caminho passamos por um canal que tinha um passeio de gôndola. É impressionante as surpresas que Londres reserva.

Passeio de gôndola
Passeio de gôndola

O Regent´s Park é gigante. Nele ficam o zoológico de Londres, vários jardins e o Boating Lake, um lago de onde saem passeios de padalinho.

Regent´s Park
Regent´s Park

Já era quase fim de tarde, quando pegamos o metrô na Baker St em direção a Tower Bridge. A ponte sobre o Rio Tâmisa é o lugar perfeito para apreciar o que deveria ser um pôr do sol.

Rio Tâmisa visto da Tower Bridge
Rio Tâmisa visto da Tower Bridge
Tower Bridge
Tower Bridge

Como economizamos bastante o dia todo, já que todos os parques têm entrada gratuita, aproveitamos para jantar em um restaurante barco às margens do Tâmisa, que conhecemos no ano passado, quando estivemos pela primeira vez na cidade, o The Tattershall Castle. De dentro do barco, podíamos ver o rio e a London Eye, enquanto comíamos uma salada acompanhada de uma pint (caneca de cerveja).

Fechamos o dia perfeito com um passeio pelas margens do rio com uma linda vista para a London Eye e o Parlamento iluminados.

London Eye iluminada
London Eye iluminada
Parlamento iluminado
Parlamento iluminado

Que venham mais dias de sol! A previsão é que o tempo continue aberto na próxima semana. Mas, infelizmente, ficamos aqui só até terça, quando seguiremos para Cingapura. Mas até lá ainda tem muita Londres para conhecer.

Compre na Livraria do Compartilhe Viagens:

Guia de Londres


Comentários

  • O bom de Londres é isso…é possível passar dias inteiros gastando muito pouco. Museus e várias atrações são gratuitas, além das caminhadas pelo Tâmisa que são incríveis.

    Sorte que o tempo está bom!!! Aproveitem!!!

    Bjosss