Vem cá, a gente precisa se conhecer melhor!

Vem cá, a gente precisa se conhecer melhor. Faz 5 anos que compartilhamos com vocês quase tudo que tem acontecido na nossa vida (minha e de Fred) e ainda sabemos muito pouco ou quase nada sobre vocês. Sim, vocês, leitores!

A gente quer conhecer as pessoas que estão por trás dos números (de acessos, visualizações, curtidas). Conhecê-los é muito importante para que a gente possa melhorar a cada dia o blog e continuar ajudando vocês a viajar mais e melhor. Adoraria poder chamar todos vocês para tomar um café (ou cerveja, ou vinho, ou margarita…), bater um papo e falar sobre o assunto que mais gostamos e que temos em comum, que é viagens! Mas, infelizmente (ou felizmente), temos leitores em todo o país e até no exterior e não teríamos como reunir todos em um encontro (quem sabe, no futuro, a gente não organiza uma viagem todos juntos! haha). Então, por isso, preparamos uma pesquisa com perguntinhas muito simples para conhecer melhor vocês, como viajantes e leitores do blog.

Responder essas perguntas levará só alguns minutos e irá nos ajudar a direcionar melhor as postagens e ações do blog, fechamento de parcerias e afiliados, criações de novos guias e outros projetos.

Ah! Realizamos uma pesquisa há uns 3 anos. Mesmo que você tenha respondido essa pesquisa, por favor, responde de novo porque em 3 anos muita coisa muda, né?

Se alguma vez nós já ajudamos você, peço que nos ajude agora com essa simples atitude. (Tô fazendo drama! hehe). Vai lá, vai!

Desde já, muito obrigada a todos que responderem! =*

A pesquisa está neste link: Queremos conhecer você, leitor do Compartilhe Viagens!


Viagem de carro no Chile – Dicas, Custos e Roteiro de 10 dias por Pucón, região dos Lagos e Isla de Chiloé

Nosso roteiro de 20 dias no Chile incluiu uma viagem de carro durante 10 dias, saindo e retornando a Santiago, que incluiu Pucón, região dos Lagos Andinos, Isla de Chiloé e uma parada de uma noite em Valdívia. Foram mais de 3 mil km de viagem por paisagens espetaculares. O Chile é um ótimo país para viajar de carro, seguro e com uma boa infra-estrutura.

Continuar lendo Viagem de carro no Chile – Dicas, Custos e Roteiro de 10 dias por Pucón, região dos Lagos e Isla de Chiloé


Pessoas fazem a diferença

Deixei a Alemanha em 19 de outubro de 2016 com uma bagagem de cerca de 15kg e oito meses depois, em 11 de junho de 2017 voltei com 18kg. Não mudou muito porque eu não comprei muitas coisas durante a viagem, cruzando nove países. Entretanto, eu trouxe muitas memórias comigo.

Antes de deixar Berlim, eu sabia que iria aprender alguma coisa sobre mim viajando sozinha por meses. No entanto, eu não só me conheço melhor, como vejo o mundo de maneira diferente. Não somente pelos lugares que eu visitei, mas pelas conversas que eu tive com pessoas de diferentes culturas. No meu primeiro post da série Worldlust (Viajando sozinha por 6 meses), eu já disse “No fundo, eu sentia que para mim é mais importante conversar com as pessoas pessoalmente, dividir momentos especiais com elas do que ver uma paisagem bonita ou fazer algo espetacular”. Quero agradecer a cada uma dessas pessoas que transformaram a minha na jornada mais incrível da minha vida. Quero agradecer a cada um de vocês pelas risadas, lágrimas (de alegria ou tristeza), conversas interessantes que tivemos e todos os momentos maravilhosos que tivemos juntos! Quero compartilhar alguns exemplos do que aprendi com todos vocês. Continuar lendo Pessoas fazem a diferença


Lista do que fazer antes de viajar pelo mundo

Como falei antes para vocês, estou deixando minha amada cidade, Berlim, meus amigos e minha família para sair da minha zona de conforto e ver o mundo sozinha.

Minha lista de coisas para fazer antes de viajar
Minha lista de coisas para fazer antes de viajar

Não foi uma decisão fácil, mas sobre esta história vocês podem ler aqui: Viajando sozinha por 6 meses: a 26 horas de distância.

Antes que eu possa viajar o mundo com a cabeça tranquila, tenho muitas coisas para organizar em casa e neste post quero contar a vocês o que vocês precisam  fazer antes de deixar a sua cidade.   Continuar lendo Lista do que fazer antes de viajar pelo mundo


Viajando sozinha por 6 meses: “a 26 horas de distância”

Lembram da Julie, nossa amiga alemã, que se tornou personagem do meu livro “Dois no Mundo”? Ela já apareceu aqui no blog algumas vezes e esta semana irá partir para uma viagem sozinha de 6 meses pelo mundo. Os relatos de sua aventura, ela irá compartilhar com a gente aqui no blog. Sim, o Compartilhe Viagens agora tem correspondente internacional! (Chic, né? haha). Julie irá enviar os textos em inglês (que serão publicados no menu English) e irei fazer a tradução para português. Para começar, ela escreveu um primeiro post, explicando como tomou a decisão de viajar sozinha e os planos para sua viagem. Já neste post, você vão sentir como a Julie é uma pessoa muito querida e especial.

Seja bem-vinda ao CV, Julie! E tenha certeza de que você não estará só. Nós também iremos viajar com você, pelo menos, através dos seus textos! 😉

Antes que eu esqueça, em nossas redes sociais (IG: @compviagens, FB: https://www.facebook.com/compartilheviagens/), também faremos publicações sobre a viagem de Julie, que começa por Bali.

Vamos ao texto dela:

Continuar lendo Viajando sozinha por 6 meses: “a 26 horas de distância”


Uma vida de menos ostentação e mais significados

Durante o nosso Verão na Europa, entre junho e julho deste ano, revisitamos Berlim. Chegamos à capital da Alemanha no dia do aniversário da nossa amiga, Juli, que havia nos convidado para participar da sua festa.

Ela foi nos buscar na rodoviária, onde chegamos de Praga. Com sua alegria contagiante, por debaixo do casaco estava com serpentinas enroladas no pescoço e na mão carregava um balão em formato de centopeia (ironicamente sem pés), presentes da comemoração no seu trabalho. No caminho para casa de Juli, paramos nos Correios para enviarmos uns postais e ela, uma encomenda, e lá mesmo, viramos a nossa primeira dose de uma bebida que até hoje não sei o que era.

Mesa para o aniversário de Juli
Mesa para o aniversário de Juli

Bebemos e não fomos colocados para fora. É engraçado como na Alemanha, as coisas são muito menos rígidas do que a gente imagina.

Perguntei a Juli quais eram os planos para o aniversário e como estavam os preparativos para festa. “Ainda vamos passar no mercado e preparar tudo”, ela respondeu. Isso era umas 15h e a festa deveria começar umas 19h. Continuar lendo Uma vida de menos ostentação e mais significados


Nova parceria: Real Seguro Viagem

Sempre falo aqui no Compartilhe Viagens sobre a importância de contratar um seguro viagem. Isso porque já precisei, pelo menos duas vezes, e sei a diferença que faz ter um seguro ou ter que ir em busca de assistência por conta própria. Sem falar que seguro viagem faz parte das exigências de vários países. Mas também sei que é importante contratar um seguro que ofereça o melhor custo benefício. Por isso, fechamos uma nova parceria no blog e agora você poderá adquirir aqui o seu seguro de viagem pela Real Seguros.

O grande diferencial da Real Seguros é a possibilidade de comparar preços de até oito seguradoras. E é tudo muito fácil. Veja o passo a passo: Continuar lendo Nova parceria: Real Seguro Viagem


Nunca é tarde para começar a viajar

Estávamos em um ônibus em Potsdam, uma bela cidade que fica cerca de 40 minutos distante de Berlim, quando entrou um senhor que aparentava ter mais de 70 ou talvez 80 anos e tentava comprar a passagem do ônibus na máquina com certa dificuldade. Depois de um tempo, uma moça o ajudou. Ele sentou próximo de onde estávamos eu, Fred e nossa amiga alemã Juli.

Pelo guia que tinha na mão, ele era um turista japonês. Viajando sozinho naquela idade. Começamos a pensar sobre o que o levara a viajar sozinho mesmo já sendo bastante idoso.

Juli e Fred comentaram que sentiam pena do velhinho por naquela idade não ter companhia para viajar. A princípio, também senti pena quando ele não estava conseguindo operar a máquina, mas, na verdade, eu também não sei mexer direito nelas. Então, logo pensei: “Que máximo! Nessa idade ainda ter vontade de viajar, de conhecer o mundo e ter coragem de ir sozinho”.

Imaginei que para estar viajando naquela idade sozinho, ele deveria ser um viajante experiente. Depois pensei: “e se só depois de idoso ele teve oportunidade de viajar, depois de uma longa vida de trabalho e cuidado com a família?”

Bem, a história do velhinho japonês, eu nunca irei saber já que não chegamos a conversar com ele, pois logo tivemos que descer do ônibus. Mas posso contar a vocês um pouco da minha história de viajante e sobre como nunca é tarde para começar a viajar. Continuar lendo Nunca é tarde para começar a viajar