A cidade da floresta, Ubud – na casa de Meliana

Quando entrei em contato com Meliana pelo Couchsurfing, ela já me disse que a casa dela não tinha um endereço real. O que pensei ser um pouco esquisito… especialmente quando você tem que acreditar que todo mundo do Couchsurfing e suas casas realmente existem…mas quando eu cheguei lá, eu entendi porquê: é uma vizinhança típica balinesa e não tem ruas, apenas pequenas becos para caminhar ou passar de moto. Nós nos encontramos em frente ao café da vizinhança e atravessamos todos aqueles pequenos becos, no escuro, apenas com a luz da lanterna dela para chegar até a sua casa. Depois das primeiras curvas, eu já não sabia como sair dali.  ^^ Melina me disse que deveríamos caminhar fazendo muito barulho para que as possíveis cobrar que estivessem à nossa volta fossem embora ao invés de nos atacar. Desde então, eu sempre caminho fazendo muito barulho na natureza. ^^

A cidade da floresta, Ubud
A cidade da floresta, Ubud

 

Continuar lendo A cidade da floresta, Ubud – na casa de Meliana


Voluntariado em um orfanato em Bali

Em Bali, eu fui a um evento de volutariado em um orfanato. Eu soube sobre o evento através de Erlangga, que postou no Couchsurfing. Realmente, eu queria fazer algum voluntariado e ter contato com crianças locais em Bali. Erlangga é uma das presidentes do Leo Club Bali Shanti. E é parte do Lions Club Internacional Bali Surya para causas sociais. Mas o Leo Club é para pessoas mais jovens, até 30 anos. Leo Club Bali Shanti é organizado por 20 pessoas em Bali que ajudam com o que eles podem. Eles fazem um evento a cada duas semanas para crianças, adolescentes e idosos, onde quer que seja necessário. Continuar lendo Voluntariado em um orfanato em Bali


Uma semana em Bali – com Alvin, meu “ ex-marido”

Já faz uma semana que estou em Bali, o tempo voou! Depois que fiquei com Anastasia, mudei para a casa de Alvin, que também conheci pelo Couchsurfing. Ele ficou muito preocupado no começo de que eu não gostasse do lugar. Ele disse que não era nada especial, mas disse a ele que  queria apenas um lugar para dormir e estaria muito tempo fora, de toda forma. Ele estava preocupado porque era primeira vez que ele recebia uma mulher pelo Couchsurfing. Ele já recebeu muitas pessoas, mas todos homens. Então, ele pensou que, como mulher, eu poderia ter maiores exigências. Mas de forma alguma, ele deveria ter se preocupado porque a casa dele é linda e oferece mais do que o suficiente!

Com Alvin, meu segundo anfitrião
Com Alvin, meu segundo anfitrião

Continuar lendo Uma semana em Bali – com Alvin, meu “ ex-marido”


Meus primeiros dias em Bali – na casa de Anastasia

Depois de toda preparação e nervosismo antes da minha viagem, minha jornada finalmente começou na última quinta-feira. Minha amiga Anna, que me visitou exatamente antes de sair para o aeroporto, disse que essa seria a viagem da minha vida, então, decidi dar um nome a ela e escolhi “Worldlust”. É uma combinação de “wanderlust” que é uma palavra em alemão que significa “paixão por caminhadas”. Como eu não quero apenas caminhar, mas ter uma experiência pelo mundo, decidi que o nome da minha viagem seria “Worldlust”. O que vocês acham do nome?

Julie em Bali
Eu (Julie) em Bali

Continuar lendo Meus primeiros dias em Bali – na casa de Anastasia