Imperdível na Croácia: Parque Nacional dos Lagos Plitvice

Se você já está planejando uma viagem para a Croácia ou sonha em algum dia conhecer o país, certamente colocou na sua lista conhecer os Lagos Plitvice. Se não, deveria. Declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco desde a década de 1970, o Parque Nacional dos Lagos Plitvice (Plitivicka Jazera, em croata) chama atenção pelo grande número de lagos, cachoeiras em tons de verde e azul, dentro de um enorme bosque. O Plitvice fica a 130km da capital Zagreb e pode ser visitado em um bate-volta ou no caminho de uma viagem de carro pelo litoral da Croácia, que foi o que fizemos.

Lagos Plitvice, Croácia
Lagos Plitvice, Croácia

Continuar lendo Imperdível na Croácia: Parque Nacional dos Lagos Plitvice


Bate volta de La Paz a Tiwanaku, as ruínas pré Incas

A 72 km de La Paz está o sítio arqueológico de Tiwanaku (também se escreve Tiahuanaco, Tiahuanacu e Tihunaco), Patrimônio Mundial da Unesco desde 2000. Um bate-volta imperdível para quem visita a capital administrativa da Bolívia. Algumas agências oferecem o passeio de um dia, mas ir por conta própria é bem fácil.

As vans para Tiwanaku saem da rua paralela ao cemitério de La Paz, do mesmo lugar de onde partem. Duas cooperativas oferecem o trajeto. O trecho custa 10 bolivianos por pessoa, com o mínimo de 10 pessoas. É preciso esperar a van lotar ou ratear o valor mínimo. Por isso, o melhor horário para ir é no início da manhã, quando mais pessoas procuram o serviço e o número mínimos de passageiros é alcançado logo.

Tiwanaku
Tiwanaku

Continuar lendo Bate volta de La Paz a Tiwanaku, as ruínas pré Incas


Sucre: a capital e cidade mais charmosa da Bolívia

Das coisas que deveríamos aprender na escola, mas só descobrimos viajando: a Bolívia tem duas capitais. Uma constitucional, que é Sucre, e uma administrativa, que é onde o presidente vive e trabalha, que é La Paz, e é só esta que normalmente vemos nos mapas e decoramos o nome na época da escola. O fato é que, por ser a capital desde a criação da República da Bolívia, Sucre conserva um belíssimo centro histórico, que desde 1991 é Patrimônio Mundial da UNESCO. Boa parte das construções tem a cor branca, o que também lhe rendeu o título de “La ciudad blanca”. Sucre é, na minha opinião, a cidade mais charmosa do país e reúne importantes atrativos turísticos. Vale a pena reservar pelo menos dois dias inteiros para conhecê-la. Veja o que fazer na cidade:

Suprema Corte de Justiça
Suprema Corte de Justiça

Continuar lendo Sucre: a capital e cidade mais charmosa da Bolívia