Um dia em Veneza

Chegamos na Itália por Pisa, vindos de Fez, no Marrocos. Já estávamos com mais de 6 meses de viagem, era nosso 18º país da Volta ao Mundo e a essa altura não fazíamos mais planos ou roteiros, apenas íamos aonde o destino nos levasse ou aonde desse vontade no dia ou na hora. Mas eu tinha apenas uma exigência na Itália: não poderia sair de lá sem conhecer Veneza. Nem que fosse por um único dia. Em 10 dias no país, conhecemos as principais cidades da Toscana, passamos por Roma e fomos convidados para ir à Milão. Deixamos para o final, o último dia, a ida à Veneza. Eu geralmente faço isso com coisas que quero muito, ou deixo para o final ou adio um pouco, como quem guarda a sobremesa preferida cuidadosamente para o final de um banquete.

Grande Canal
Grande Canal

Adiamos até o último momento a compra do bilhete do trem da Trenitalia e acabamos pagando mais caro por isso. Pegamos o trem em uma manhã bem cedo de novembro de 2013. A viagem completou um ano e eu já deveria ter escrito sobre ela há muito tempo. Mas fiquei esperando o momento certo de comer a sobremesa. E, de repente, esses dias me deu uma saudade de Veneza. E ontem, assistindo a mais um filme (“Apenas uma chance“. Está disponível no Netflix. Assistam!) que tem a cidade como cenário, decidi que de hoje não passava.  Continuar lendo Um dia em Veneza